Quarta-Feira, 20 de fevereiro de 2019 Nossa história      

Notícias

Novo cronograma da retomada e conclusão do asfaltamento da PI Itainópolis a Picos deverá ocorrer em até 46 dias

O Departamento de Estradas e Rodagens do Piauí-DER, através do seu Diretor Castro Neto, e a empresa Construtora Hidros, por seus representantes legais, firmaram compromisso legal de elaborar novo cronograma da retomada e conclusão da obra do asfalto da rodovia que interliga Itainópolis a Picos, PI-2

O Departamento de Estradas e Rodagens do Piauí-DER, através do seu Diretor Castro Neto, e a empresa Construtora Hidros, por seus representantes legais, firmaram compromisso legal de elaborar novo cronograma da retomada e conclusão da obra do asfalto da rodovia que interliga Itainópolis a Picos, PI-245/BR-020, no prazo máximo de 46 dias.

O acordo foi firmado pelas partes interessadas, nesta sexta-feira, 14 de dezembro, em audiência especial, realizada na sede do DER, em Teresina, perante a Dra. Mariana Marinho Machado, Juíza de Direito da Comarca de Itainópolis, Dra. Romana Leite Vieira, Promotora de Justiça de Itainópolis, Paulo Lopes Moreira, prefeito de Itainópolis e João Batista de Oliveira, vereador de Itainópolis.

A conclusão dessa obra é aguardada com ansiedade pela população, pois metade da referida rodovia encontra-se em péssimas condições de trafegabilidade, especialmente no trecho Itainópolis ao povoado Riachão, ocasionando prejuízos e colocando em risco às pessoas que necessitam transitar nesta importante rodovia, que registra grande fluxo de veículos e pessoas, visto que serve de interligação a várias cidades importantes do Brasil, como por exemplo, é a principal rodovia de ligação entre as capitais Brasília/Fortaleza, a região Nordeste, Centro-Oeste e Sudeste do Brasil.

A empresa Hidros, após concluir aproximadamente 55% da obra (trecho entrada da BR-407 até o Povoado Riachão), suspendeu os serviços desde o dia 22/12/2017, que alegou a época falta de pagamento pelos serviços realizados, frustrando o anseio da população.

Ao ser cobrado solução várias vezes pelas lideranças, o governador Wellington Dias, reiterada vezes disse que lamentava a paralisação da obra e justificava a falta de recursos financeiros, visto que o Governo do Estado havia planejado pagar a execução da obra asfáltica com base nos recursos oriundo de um empréstimo de R$ 315 milhões junto à Caixa Econômica Federal, Programa FINiSA, mas esses recursos encontram-se bloqueados, por motivos burocráticos.

Na audiência desta sexta-feira o DER informou que o Governo do Estado do Piauí já conseguiu pagar a Construtora Hidros pelos serviços executados, fato confirmado pela empresa, o que reacendeu o compromisso de retomarem e concluírem a obra asfáltica, sem demora, devendo ser elaborado novo cronograma